quinta-feira, 5 de julho de 2012

São coisas da vida


Bastou um instante para que as lágrimas rolassem livremente pelo rosto; bastaram segundos para que ela fechasse os olhos e desejasse aquele momento novamente; não bastou nada para que ela percebesse que agora tudo não vai passar de lembranças. Lembraças encarnadas em músicas, lugares, cheiros e sabores. Nada mais que saudades.

3 comentários:

  1. Bonito. Estou a gostar do teu blog.

    Passa no meu e segue também!

    http://gomadandbuyeverything.blogspot.pt/

    Beijinhos*

    ResponderExcluir